Ernesto é um velhinho cheio da grana, trabalhou sua vida inteira para sustentar a sua família, mas com o passar do tempo percebeu que não estava vivendo do jeito que queria, não trepava com a sua esposa e sentia falta de estar na ativa, já que ele tinha tanta grana, porque não usar para ter prazer? Foi uma das perguntas que o cabra não conseguia tirar da cabeça.

Em um belo dia ele estava na sua empresa trabalhando quando chegou Diana e Caciana, as duas novinhas queriam arrumar um emprego de secretária e fariam de tudo para conseguir. Depois de alguns minutos as vagabundas perceberam que poderiam se dar bem, o tio estava ficando bem duro deixando sua piroca a mostra, uma delas teve uma ideia: vou seduzir esse idiota e arrumar uma boa grana.

A kenga do lado pensou o mesmo. Ernesto estava disposto a dar o emprego e ainda uma boa quantia se a foda fosse boa, com o consentimento das vadiaszinhas ele foi pra cima, botou a mão na tetinha de uma delas e foi apalpando, estava bem feliz e excitado. Enquanto ele descia a mão para a xoxota de Diana a outra foi lambiscar os peitinhos, a transa estava armada.

As duas ninfetas estavam muito entusiasmadas para garantir uma vaguinha na empresa e ainda levar uma grana, com um sorriso no rosto elas ficaram numa posição bem provocante pro velho, empinaram a bunda e começaram a dançar, o cara estava babando, mal podia esperar para atolar sua jeba dentro da xana, mas primeiro foi dando alguns tapinhas no popo.

Após apalpar bastante o cú delas ele queria experimentar novas coisas, chegou bem perto e colocou sua vara para fora e gritou “é hora de mamar cadelas” prontamente as duas moças botaram a boca para trabalhar, uma delas foi babando e lambendo a piroca com gosto enquanto a outra cuidava das bolas, o tiozão estava no paraíso nunca sentiu tanto prazer na vida sua mulher tinha nojinho e nunca pagou-lhe um boquete.

Ele mal sabia que ainda iria melhorar, os três foram para a cama e o negócio ficou sério com ele por cima uma delas arreganhou as pernas e começou a levar várias estocadas, o cara não parava por um segundo. Os gritinhos de prazer ecoavam pelo quarto. A outra com medo de não agradar quis mostrar o seu melhor, falou para ele estocar tudo que ela queria ver. A primeira metida foi bem forte e empolgante, a biscatinha caprichou nos gemidos, gemia bem alto o máximo que conseguia, tudo para instigar ainda mais o coroa.

Depois de mandar ver o velho estava exausto… não iria demorar muito para ter um belo de um orgasmo

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *